Porque ser gorda incomoda tanto ?

13708232_274652722905677_4775661086116561910_o

 

Oi meninas!

Sou a Nana, 38 anos, filha única, separada, mãe de uma filha de 16 anos e GORDA!
Mas não tem problema em ser gorda, desde que você tenha saúde e se ame. Mas espera, eu não sou gorda, sou obesa mórbida e não tenho lugar no mundo! Não posso ser considerada uma pessoa saudável desse tamanho.

Falou a rainha do drama!

Não! Falou a mulher que não se sente representada e respeitada mas que mesmo com isso vive, dança, joga, se diverte e mantém a alegria no sorriso, no coração e na alma.
Desde pequena aprendi que a vida é dura e que entre perdas e ganhos (não só de peso) a vida continua. Com os acontecimentos nas redes sociais, essa semana comecei a refletir sobre a amargura nas palavras das pessoas.

A boca fala do que o coração está cheio.

Hoje o mundo cobra tanto da gente e apesar de todos terem acesso a informação, saberem que o PERFEITO não existe, insistem em querer nos enfiar goela abaixo que não há beleza em ser gordo. E eu digo que há sim! Não só na moça, que está 4kg acima do seu peso, não só na mulher grande de seios fartos. Há beleza em mim com meus mais de 130 kg e sabe por que? Porque eu enxergo beleza em mim e isso me basta. Eu aprendi a me aceitar da forma que sou, com o peso que tenho, cabelo, cor, me amo de verdade, o meu amor e respeito por mim vem crescendo, desde que aos 5 anos perdi meus pais e o amor deles por mim acabava ali. Meus avós me criaram, e ao partirem, me senti mais uma vez só e meu amor tinha que compensar isso.

Hoje faço tudo que uma pessoa magra faz, menos andar de ônibus, não passo na roleta mas não me sinto coitadinha por conta disso, poderia entrar por trás… (assunto pra um próximo texto) mas me recuso a enfrentar o olhar de repulsa das pessoas que quando me olham, parece que veem um monstro pior que um estuprador, um assassino, um machista que bate na sua mulher e filhos.

E antes fosse só em um ônibus!

E não me sinto menor por isso, porque tem muitas pessoas que passam pela mesma situação e se escondem, eu quero ser grande não só no tamanho, mas quero ser grande e representar essas pessoas que sofrem por uma catraca, sofrem por não caber em uma cadeira, sofrem por não receber atendimento médico, sofrem por serem excluídas e entre outras coisas. O que nós gordos precisamos é de respeito, como qualquer outro ser humano, respeito próprio pra depois cobrar o alheio, por que temos esse direito sim.
Pra não me demorar mais, só digo a vocês obesos, gordinhos ou gordos é que se amem sim, é fácil, desde que você entenda que não precisa da aprovação alheia. Se cuide, se mantenha gordo ou emagreça, mas não deixe que ninguém tire o seu valor por conta do tamanho da sua roupa e do seu corpo.

Beijos no coração e obrigada por me ouvirem/lerem

Esse é um texto que foi publicado em agosto desse ano no blog Real Plus Size Br e me senti lisonjeada por receber mais um espaço pra meu desabafo e idéias sobre ser gorda

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s